IOGURTE

 

O iogurte é um produto lácteo reconhecido por suas propriedades nutritivas e também terapêuticas. No mercado brasileiro, os mais comuns são feitos com leite de vaca, mas produtos muito saborosos podem ser feitos com leite de cabra e, principalmente, com leite de ovelha. 

O iogurte é um produto lácteo fresco, obtido pela fermentação do leite pasteurizado ou esterilizado. A fermentação é realizada por bactérias lácteas (Lactobacillus bulgaricus e Streptococcus termophilus) que transformam o açúcar do leite em ácido láctico. Isso aumenta a acidez do leite, provocando a sua coagulação. Alguns iogurtes apresentam também outras bactérias chamadas de probióticas (por exemplo, o Bifidobacterium) e que são benéficas à saúde.

O sabor e as características nutritivas do iogurte são variáveis dependendo da sua composição, dos ingredientes adicionados e das técnicas de fabricação. Por exemplo:

  • O teor de gordura pode variar de menos de 0,5% no iogurte desnatado e até mais de 6% em produtos com adição de creme, como no caso do iogurte “grego”.

  • Além do natural (apenas ingredientes lácteos), podemos encontrar iogurte adoçado, com polpa de frutas, aromatizados, com sabor de chocolate, com mel, cereais e outros.

  • Podem ser líquidos ou apresentar uma consistência mais firme.

Além do iogurte, existem outros produtos lácteos ou leites fermentados, como a coalhada e o leite acidófilo.

SORVETE

O sorvete de leite de cabra não é um produto muito comum, mas alguns produtores e pequenas fábricas começam a investir nesse produto como uma forma de diversificação. Ele também pode ser feito em casa. Um produto ainda mais original é o sorvete feito com queijo de leite de cabra. Na versão salgada, o sorvete pode ser usado para acompanhar saladas ou sopas.

 

               Foto: Cortesia do sítio Lagoa Seca http://www.sitiolagoaseca.com.br/

MANTEIGA

O leite de cabra não é muito adequado à fabricação de manteiga. Além de seu desnate ser mais difícil, o produto final é branco, pouco atraente, de consistência frouxa.